Páginas

Resenha Book: Crepúsculo - Stephanie Meyer


Titulo: Crepúsculo
Autora: Stephanie Meyer  
Paginas: 355
Editora: Interseca
Avaliação: 4


Prólogo:

Nunca pensei muito em como morreria — embora nos últimos meses tivesse motivos suficientes para isso —, mas, mesmo que tivesse pensado, não teria imaginado que seria assim.
Olhei fixamente, sem respirar, através do grande salão, dentro dos olhos escuros do caçador, e ele retribuiu satisfeito o meu olhar. Sem dúvida era uma boa forma de morrer, no lugar de outra pessoa, de alguém que eu amava. Nobre, até. Isso devia contar para alguma coisa.
Eu sabia que, se nunca tivesse ido a Forks, agora não estaria diante da morte. Mas, embora estivesse apavorada, não conseguia me arrepender da decisão. Quando a vida lhe oferece um sonho muito além de todas as suas expectativas, é irracional se lamentar quando isso chega ao fim.
O caçador sorriu de um jeito simpático enquanto avançava para me matar. 


 Resenha:
         Quando peguei o livro em minhas mãos pela a primeira vez eu tinha cerca de 15 anos, em média, e foi no ano de 2008. A minha primeira impressão foi a seguinte, que livro bonito! Convencido de que a capa era bonita e isso já era um motivo muito forte para acreditar que o livro era bom. Calma eu gostei do livro sim, tanto que eu me forço a ler pelo menos de uma vez por ano. Porque me forço a isso, gente a escrita da autora e muito, muito, muito bom. Claro não podemos deixar de citar que o livro e/foi de uma repercussão muito grande no Brasil e no mundo. Com muitas pessoas que diziam que amaram e outros que disseram que odiaram a trama com todas as forças. Mas não vim aqui no blog para discutir isso, até mesmo por que eu fui uma das pessoas que amou de corpo e alma a história do livro e também a escrita leve e descontraída da autora.
         Depois desse pequeno contratempo eu logo pedi para minha mãe comprar o livro, naquele dia sai sorridente da livraria e logo no caminho de casa já fui lendo algumas coisas, como a sinopse que por um acaso eu não tinha nem lindo ainda. Quando li a frase :
"De três coisas estava convicta, primeiro Edward era um vampiro, segundo havia uma perde dele -e eu não sabia que poder essa parte teria- que tinha cede de sangue e a terceira eu esta irrevogavelmente apaixonada por ele (...)"


Foi o que me dizia com todas as forças que eu tinha escolhido o livro certo, depois disso com dois dias crepúsculo havia acabado, eu tinha devorado o livros com tanta paixão que quando o livro se afinava em minhas pequenas mãos eu começava a enrolar para que o livro não se acabasse, pois o que está escrito ali realmente havia me emocionado. A paixão de um vampiro por uma humana nunca tinha sido tão magico ao meu ponto de vista como crepúsculo foi. Toda a dor que Edward passou para deixar Bella na zona de segurança, até mesmo dele, me cativou de uma forma sufocante que eu conseguia ver o relacionamento dos dois se firmando e ao mesmo tempo uma vozinha lá no fundo me falava. —Já está acabando, mas o que vai acontecer? Isso vai dar certo? Como é possível ter se firmado tão perfeitamente um relacionamento entre vampiro e humano? Ou melhor caça e caçador?
Eu tinha ficado encantado com tudo o que ali havia, entre as milhares de palavras existentes não havia palavras melhores para trazer crepúsculo a vida tão perfeitamente com Meyer fez.
Bem agora vou contar um pouquinho da história, mesmo muitos já conhecendo o que a leitura nos propõe. Crepúsculo conta história de uma adolescente chamada Isabella Swan, logo no começo da história acompanhamos a viagem de Bella  de Phoenix, no Arizona para a Pacata cidadezinha de Forks, em Washington. Onde ela passaria um semestre na casa do pai biológico depois de anos sem sequer o visitar. Bella decide ficar lá por motivos firmes de que seu padrasto viaja muito para participar de jogos de beisebol, a mãe de Bella sempre o acompanha ela não queria atrapalhar o clima de viagem dos dois, então ela decide ir morar com o pai nesse período.
Logo quando ela chega na cidade e reencontra o pai, ela logo ver que nada mudou, tudo estava como ela tinha deixado a anos, menos a cama que agora tinha uma maior, juntamente com lenções novos. Era impressionante com tudo ficava no lugar. Passado algum tempo, Chrallei que o pai de Bella recebe a visita de alguns amigos, e juntamente com eles, Jecob. Um antigo amigo de Bella que brincava com ela de torta de lama quando eles eram pequenos. E quando o pai de Bella também anuncia que o ele tinha comprado um carro para ela, uma picape vermelha velha e enferrujada. Conversando com Jacob Bella descobre que ela teria que ir para a escola sozinha pois Jacob estuda na escola da reserva do outro nada da cidade.
Indo para a escola ela percebe que tudo era divagar assim como o tempo frio que e chuvoso, logo ao entrar ela já percebe que é a nova estrela da escola pós todos já sabiam de sua chegada, pois em uma cidade pequena e a filha do xerife novamente se mudando para morar com o pai. Depois de contratempo estranhos e clichês Bella pergunta para alguns colegas quem eram as pessoas com aparências elegantes e bonitas que havia chegado ao refeitório. Então aí ela tem o primeiro contato com os Cullen, filhos e filhas do Dr. Cullen o médico mais conhecido da cidade.

Chegando na sala de aula ela e obrigada a sentar do lado de Edward, que acaba portando-se de um jeito estranho como se estivesse passando mal. Depois disso Bella demorou para ver o Edward de novo, mesmo sempre vendo que a família Cullen sempre ia a escola menos Edward. Logo quando ele retorna novamente ele tenta contato com Bella na aula de Química Celular. Ela então se ver em uma conversa com uma pessoa de tempo muito mais distante do que o da atualidade e perguntas com o qual eram nítidas como por exemplo: —Está gostando da chuva? Mesmo Bella não querendo admitir algo mudou nela.  Ela começou a observa os Cullen de uma forma mais presente e principalmente Edward.
Num dia em que Bella estava arrumando as coisas para voltar para casa com fones de ouvidos ela e surpreendida com a derrapagem de um carro vindo a em sua direção.
         Edward então utiliza de uma velocidade sobre humana para salvar Bella, que depois do ocorria tinha sido levada para o médico, enquanto seu salvados fugia com a mesma velocidade que ele havia salvo ela. Assim como o prologo, Bella tem que pagar um preço alto por essa paixão, ou seja com a própria vida.
 Logo em seguida Bella descobre que Edward e um vampiro, logo quando pela descobre isso fica cada dia mais difícil Bella se separar de Edward.  Ainda mais depois do ocorrido as próximas paginas.

Bem e isso a resenha foi essa eu espero que vocês gostem muito desse livro o quanto eu gostei, sei que muito criaram preconceito com o livro, mas eu realmente recomendo muito, pois se não valer pela a história vale pela a escrita leve e descontraída de Meyer. 






Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...